Encadernação

A paixão por cacarecos de papelaria, canetinhas, folhas coloridas e cadernos nasceu comigo. Uma das coisas que eu mais gostava na época do colégio era aquele período antes das aulas começarem que eu encapava e decorava meus cadernos e livros de acordo com cada disciplina.

Então, quando entrei na faculdade de Design Gráfico conheci um professor que fazia encadernações e fiquei encantada. Pensei, eu quero (preciso!) fazer meus próprios cadernos! Assim começou um período de pesquisas sobre técnicas de encadernação junto com uma porção de livros cuidadosamente desmanchados até eu entender como o processo funcionava.

Depois de algumas tentativas aprendi como fazer meus caderninhos! Eles eram objetos muito especiais pra mim, me acompanhavam em meus devaneios e projetos. Eles eram o depositário de parte de mim, uma parte importante; e por isso eu quis que mais pessoas também pudessem ter esse objeto mágico. Assim nasceu a minha pequena fabriqueta de cadernos.

Os anos passaram e os cadernos continuam sendo os meus grandes parceiros de histórias. É o caderninho da gratidão, o das intenções diárias, o das frases que me marcam, o do rascunho rápido de toda hora. Cadernos não faltam!

Anúncios